Osasco levou a melhor por 3 a 0 e fechou a série semifinal por 2 a 0

A jovem equipe do São Paulo F.C./Barueri novamente se aplicou bastante, mas o esforço foi insuficiente para conter a poderosa equipe do Osasco São Cristóvão Saúde, que levou a melhor por 3 a 0, com parciais de 25-15, 25-19 e 25-20, no ginásio José Liberatti. Com esse resultado, a equipe vice-campeã paulista liquidou a série por 2 a 0 e vai decidir o título do Campeonato Paulista feminino de vôlei 2020 com o Sesi-Bauru, que eliminou o Pinheiros.

O Tricolor novamente tentou cumprir a estratégia de saque elaborada pelo treinador José Roberto Guimarães, mas pagou o preço com alguns erros. Osasco livrou uma boa vantagem no placar. Para se ter uma ideia, quando o placar apontava 9 a 4 para as donas da casa, seis de seus pontos haviam sido cedidos em falhas do adversário – no serviço e no ataque.

 

Crédito: Miguel Schincariol

Necessitando do resultado para evitar a eliminação, Zé Roberto sacou a oposto Kisy e a central Lorena, substituindo-as por Lorrayna e Dani Seibt. Com as duas que vieram do banco, a produção de Barueri melhorou, mas esse crescimento não proporcionou uma reviravolta no set, tamanha a diferença no placar imposta por Osasco.

O São Paulo iniciou o segundo set mais aceso, e chegou a abrir 4 a 1 no placar. O bloqueio de Barueri estava marcando melhor as jogadas adversárias, o que obrigou Tandara a tentar as largadinhas – e conseguiu um excelente aproveitamento variando dessa forma as finalizações. Osasco reagiu rapidamente e, depois de empatar em 5 a 5, não deixou que a equipe visitante reassumisse a dianteira no placar em nenhum momento.

Maira comandou uma tentativa de reação do São Paulo – a vantagem de Osasco, que era de cinco pontos (16-11), chegou a cair para dois (16-14), com três pontos seguidos da capitã, mas o poderio ofensivo do adversário novamente fez a diferença. Uma inversão de 5-1, com entrada de Jacke e Jheovana nos lugares de Lorrayna e Kenya, foi bastante proveitosa, demonstrando que o banco de Barueri é qualificado.

Na terceira parcial, o São Paulo continuou lutando bastante. A oposto Lorrayna, sempre atacando na diagonal, causou estragos novamente – a canhota novamente terminou a partida como maior pontuadora da equipe, com 13 acertos. Contudo, a qualidade do caro elenco de Osasco foi novamente determinante.

Zé Roberto terá agora a oportunidade de dar ênfase aos treinamentos, visando à estreia do São Paulo F.C./Barueri na Superliga 2020/21. O adversário, no dia 10 de novembro, no Rio, será o Fluminense, num duelo tricolor.

ELENCO

#1 Dani Terra – Líbero 1,68
#2 Diana – Meio 1,91
#4 Maira – Ponta 1,85
#5 Glayce Kelly – Ponta 1,85
#6 Nyeme – Líbero 1,75
#7 Lorrayna – Oposta 1,86
#8 Jheovana – Ponteira/Oposta 1,91
#9 Kisy – Oposta 1,89
#10 Lorena – Meio 1,90
#11 Karina – Ponta 1,79
#12 Larissa – Meio 1,88
#13 Jacke – Levantadora 1,74
#14 Kenya – Levantadora 1,85
#15 Duda – Levantadora 1,85
#16 Carol – Ponta 1,92
#18 Dani Seibt – Meio 1,88

Média de altura: 1,85

Média de idade: 21 anos

Comissão Técnica:

Técnico – José Roberto Lages Guimarães
Assistente Técnico – Wagner Luiz Coppini Fernandes
Auxiliar Técnico – Alexandre Santos Gomes
Preparador Físico – Caique Bonafe Botelho Naipe e Eduardo Fernando Cianci Gomes
Médico: Julio Cesar Carvalho Nardelli
Responsável Fisioterapeuta – Fernando Alves Fernandes
Fisioterapeuta – Daniel Hideki Kan
Estatístico – Luciano Tavares Lima e Fabio Rafael Simplício

CAMPEONATO PAULISTA 2020

TABELA

Fase classificatória

23/09 – São Paulo F.C./Barueri 3 x 0 Renata Country Club Valinhos (25-17, 25-17 e 25-16).

26/09  – São Paulo F.C./Barueri 3 x 0 São Caetano (25-14, 25-11 e 25-12)

30/09  – São Paulo F.C./Barueri 3 x 0 Esporte Clube Pinheiros (25-20, 25-17 e 25-16)

02/10 Sesi Vôlei Bauru 3 x 0 São Paulo F.C./Barueri (25-18, 25-18, 25-23)

06/10 São Paulo F.C./Barueri 1 x 3 Osasco São Cristóvão Saúde (20-25, 19-25, 25-21 e 25-13).

Fase semifinal

10/10  – São Paulo F.C./Barueri 0 x 3 Osasco São Cristóvão Saúde (22-25, 20-25, 16-25)

13/10  – Osasco São Cristóvão Saúde 0 x 3 São Paulo F.C./Barueri (25-15, 25-19 e 25-20)